partida do ninho

Passarinho não está mais no ninho. Mas mesmo estando entre o frio na barriga do ar suspenso e o temor da queda, surpreendendo-se a si mesmo, passarinho não quer voltar para o ninho. Porque sabia que embora pudesse reencontrar o calor na antiga morada, este já não seria caloroso. Calorosa era a ilusão de estar em lar. Agora, suspenso, o ar seria seu lar. E uma lembrança lhe dizia “dance! e mesmo a queda será doce”.

(ASM)

ASM
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s